terça-feira, 1 de setembro de 2020

Deputados decidem se aceitam acusação de quebra de decoro de Flordelis


Flordelis é acusada de homicídio triplamente qualificado, organização criminosa, falsidade ideológica, uso de documento falso e tentativa de homicídio.

Flordelis é acusada de homicídio triplamente qualificado, organização criminosa, falsidade ideológica, uso de documento falso e tentativa de homicídio. | Cleia Viana/Câmara dos Deputados

Adeputada Flordelis (PSD) começa a ter seu destino político desenhado nesta terça-feira (1º), na Câmara dos Deputados. Isso porque a Mesa Diretora define hoje se aceita ou não a representação de quebra de decoro feita pelo deputado Léo Motta (PSL).

Caso seja aceita, a denúncia será encaminhada para a Corregedoria, e em seguida o parecer volta para a Mesa, que enviará para o Conselho de ética que notifica a deputada para que apresente sua defesa.

Flordelis ofereceu filha 'sexualmente' a pastores evangélicos

Uma vez apresentada, o Conselho tem 45 dias para bater o martelo e dar a sentença. Flordelis é acusada de homicídio triplamente qualificado, organização criminosa, falsidade ideológica, uso de documento falso e tentativa de homicídio.

Flordelis envia áudio aos fiéis e diz que 'batalha' será vencida em oração

A deputada é apontada pela polícia como mandante do assassinato do próprio marido, o pastor Anderson do Carmo. Alguns de seus filhos foram presos e até o momento ela segue em liberdade, já que usufrui do foro privilegiado por ser uma parlamentar.


PUNIÇÕES

Em caso de condenação pelo Conselho de Ética, a quebra de decoro pode significar advertência, censura (verbal ou escrita), perda temporária do exercício do mandato ou ainda perda de mandato.

Fonte: Dol

Posts Relacionados

Deputados decidem se aceitam acusação de quebra de decoro de Flordelis
4/ 5