sexta-feira, 21 de agosto de 2020

“Milagre da Cela 7”, o filme que nos mostra que o amor supera qualquer injustiça

“Milagre da Cela 7”, emociona ao mostrar que o amor supera qualquer injustiça


O filme turco mais falado do momento parte da linda relação de um pai e uma filha para retratar questões, como injustiça, união e amor ao próximo. Confira por que ele também vai emocionar você.

Impossível assistir a “Milagre da Cela 7” e não se emocionar do início ao fim com essa história trágica, mas ao mesmo tempo inspiradora e necessária.

O filme de origem turca é o mais novo lançamento da Netflix e tem feito pessoas do mundo todo chorarem diante de uma linda história de amor e cumplicidade de Memo, um pai solteiro e que sofre de deficiência intelectual, e sua filha, a pequena e carismática Ova.

A relação desses dois é o ponto de partida da história. Apesar das dificuldades, Memo, interpretado magistralmente por Aras Bulut Lynemli, leva uma vida simples e feliz junto com a filha, vivida pela pequena Nisa Sofiya Aksongur, e a avó, Fatma, interpretada por Celile Toyon Uysal, num pacato vilarejo da Turquia.

Tudo vai bem até que uma tragédia muda completamente a vida da família. Depois de um grave incidente, Memo é acusado injustamente da morte da filha de um comandante do exército local.

Ele é preso, humilhado, agredido e condenado, sem ter a mínima chance de se explicar.

A partir desse ponto do filme, o ideal é você se agarrar ao pacote de lenços e tentar não se desesperar por causa do sofrimento que esse ingênuo e inocente pai enfrentará.

Méritos são o que não faltam para o “Milagre da Cela 7”. Trata-se da refilmagem de uma produção sul-coreana de 2013, que focava mais no humor.

Ao transpor a história para o drama, o diretor, Mehmet Ada Öztekin, pode aprofundar não só a relação de pai e filha, mas também abordar outras questões de importância universal em nossa sociedade.

A relação entre Memo e seus colegas de cela, por exemplo, é uma clara demonstração da importância da união e da amizade, até mesmo diante dos problemas mais difíceis.

As cenas envolvendo o pai e os outros detentos são responsáveis por algumas das mais lindas e importantes do filme.
A forma injusta como Memo foi acusado também é um reflexo dos pré-julgamentos que muitos de nós fazemos no dia a dia.

Afinal, sejamos francos, o que mais há por aí são pessoas qualificando como incapazes uma pessoa com deficiência, seja ela física ou mental.

O amor e o respeito ao próximo também são um dos pontos mais importantes da história. Outro quesito técnico que torna o “Milagre da Cela 7” ainda mais relevante é a forma como ele retrata a sociedade turca.

A Netflix segue apostando em produções que mostram diferentes culturas, crenças e costumes do mundo todo, sob a ótica de diretores de diferentes nacionalidades.

O filme conduz o telespectador a uma realidade completamente desconhecida para nós, brasileiros, cuja trágica história de Memo e Ova é narrada com um toque sutil de beleza, poesia e muito amor, e embalada por uma trilha sonora incrível.

Como se não bastasse um desenvolvimento extremamente emocionante, que certamente vai fazer você chorar compulsivamente, “Milagre da Cela 7” também lhe reserva um final extremamente surpreendente.

Mas vamos parar por aqui. Qualquer outro detalhe sobre esse filme incrível pode acabar comprometendo a sua experiência.

Todo mundo deve assistir a “Milagre da Cela 7”, pois reforça o quanto é importante não deixarmos de acreditar em quem tanto amamos.

Mostra que não há força mais poderosa do que o amor e a compaixão entre as pessoas.


É um filme que merece ser sentido por todos, pois você certamente vai amar essa trama sensível, capaz de tocar o coração de qualquer pessoa, e que vai fazê-lo questionar os próprios preconceitos.

Você já assistiu ao filme?

Fonte: O Amor

Posts Relacionados

“Milagre da Cela 7”, o filme que nos mostra que o amor supera qualquer injustiça
4/ 5